Temas /Programa

Organização do conhecimento para a exploração de coleções patrimoniais e arquivos audiovisuais

Organização do conhecimento para a exploração de coleções patrimoniais e arquivos audiovisuais

Os esquemas organizacionais são essenciais para a recuperação e exploração de qualquer recurso com um potencial valor informativo. Normalmente, a pesquisa temse concentrado nos recursos atuais e de interesse imediato, com dados úteis para o seu uso em um momento próximo ao da sua criação; também tem sido estudados, acima de tudo, os recursos com informações textuais.

O 4.º Congresso ISKO Espanha-Portugal (14.º ISKO España) quer focar a atenção nas possibilidades de tratamento e no uso de esquemas organizacionais em:

• recursos com valor patrimonial (presente ou que possam tê-lo no futuro)

• recursos com informação visual e audiovisual

São recursos utilizados e cada vez mais demandados por usuários de todos os tipos: profissionais, pesquisadores, cidadãos, etc. Por este motivo, é necessário que as coleções que incluem esses recursos tenham uma organização que facilite o gestão, a exploração e o uso de maneira eficiente e sustentável. A alocação de metadados de vários tipos ou a criação de sistemas organizacionais nesses recursos deve servir como um meio para gerar novos conhecimentos.

Pela mesma razão, centros como arquivos e bibliotecas, centros de documentação de mídia ou audiovisuais, empresas, entidades públicas e privadas, estão mais interessados em controlar suas coleções desse tipo, que apresentam problemas e casuísticas que exigem soluções muitas vezes diferentes daquelas aplicadas a outros recursos.

Estes tópicos podem ser tratados de maneiras muito diferentes: desde modelos teóricos aplicáveis, instrumentos e métodos, áreas de aplicação (como depósitos digitais, arquivos, bibliotecas, etc.), propriedades (performance, usabilidade, interoperabilidade de dados, etc.),  técnicas (programas de tratamento de imagens aplicadas à recuperação, indexação e classificação automática, etc.), experiências e procedimentos organizacionais, impacto social de projetos baseados na organização intelectual deste tipo de recursos, etc.

 

Linhas temáticas

• Organização do conhecimento e memória: exploração e recuperação de documentação de valor patrimonial

• Sistemas de organização do conhecimento (KOS) em coleções de recursos visuais e audiovisuais

• Interoperabilidade, interfaces de usuário e sistemas de descoberta: organizar os recursos atuais para ter o patrimônio do futuro

• Sustentabilidade e dimensão social dos sistemas de informação e organização do conhecimento